22 setembro 2010








NOBODY KNOWS!!!







Ninguem me da a mao
Agora que estou no chao
Sinto-me sozinha e só
Como um grão de pó
Tenho muita gente
Mas ninguem sabe o que vai na minha mente
Ninguem sabe o que penso
Só sei que é muito denso
Ninguém sabe como o sinto
E como as vezes minto
Disfarço os meus traços de realidade
Para que nunca descubram a verdade
Ninguem vê o que vejo
Nem sabem a côr do meu desejo
Ninguem me pode ajudar
Nem por mim podem andar
Estou sozinha nesta estrada
Onde não há saida nem entrada
Sei que tenho de viver
Muita coisa tenho de resolver
Sei o que pode parecer
Mas sinceramente quero esquecer
Ninguem me vê como deve ser
Sei que vai ser assim ate morrer
Não me importo de ficar só sem nada
Passo a vida desarmada
Ninguem sabe como é
Quando já se perdeu toda a fé
Quero arrancar estas palavras da minha alma
Dar-me um pouco de calma
Ninguem me conhece bem
Mas todos me dizem amem
Ninguem sabe o que é ser eu
É algo que é só meu
Só eu sinto as coisas assim
Quer gostem ou não de mim
Só eu vivo esta realidade
Só espero um dia encontrar alguma verdade!!!

2 comentários:

Claudia disse...

Senteste mesmo assim ou sao so pensamentos? Nunca te deixes abalar por ideias soltas pk tu és como a "fenix" k arde e renasce das propias cinzas com mais força, k emana de todos akeles k te kerem bem bjocas e fica bem :)

Fenix disse...

querida na sua maioria sao coisas que sinto mesmo!!!!! beijo es um amor